segunda-feira, 26 de junho de 2017

A Pregação do Evangelho em nosso cotidiano - Marcos 16.15

A pregação do Evangelho por todo o mundo, trata-se de uma incumbência, que recebemos de nosso Senhor Jesus Cristo. Sabemos, conforme os registros nos Evangelhos, de que cada crente tem o dever de anunciar a Cristo Jesus. É bem verdade, que existem aquelas pessoas, que Deus capacitou com o dom de evangelista, e que têm maior facilidade para desempenhar essa incumbência, no entanto, todos nós recebemos o Espírito Santo, em nossa conversão, e somos por ele capacitados com poder para sermos testemunhas de Cristo Jesus em todos os lugares (At 1.8).
Desta forma, conforme dissemos acima, é dever de cada um de nós anunciar a Cristo Jesus a todas as pessoas. O que falta muitas vezes para nós, é na verdade, colocar em prática a ordem que recebemos, e fazer isso, não é tão difícil como pode parecer. O que precisamos na verdade é abrir a nossa boca e aproveitar as oportunidades que nos sãos apresentadas.
Esta semana tive a oportunidade de fazer isso. Em razão de uma necessidade, tive que utilizar o transporte por aplicativo chamado Uber. Fiz uma chamada por aplicativo, solicitando uma viagem. Logo, fui atendido e iniciei a viagem, que em razão do trânsito, durou mais do que o esperado. Durante o tempo de viagem, que durou cerca de uma hora, comecei a conversar com o motorista. Começamos a nos conhecer, conversando sobre trivialidades. Logo, quando me dei conta, estávamos conversando sobre questões de fé e relacionadas ao Evangelho. Descobri que ele, quando criança, frequentara com sua vó, uma igreja evangélica, e que embora tenha se passado muito tempo, ele se lembrava de modo especial de um hino que ouvia ser cantado em tal igreja – “Ao Deus Grandioso”, hino 26 de nosso hinário.
Essa conversa e a oportunidade que tive de testemunhar de minha fé em Cristo, fluiu naturalmente. Pude perceber, como que Deus prepara oportunidades para testemunharmos, e que, precisamos estar apercebidos disso e começar a falar, a abrir a nossa boca.  

Em seu dia-a-dia, no contato com as pessoas, procure testemunhar de Cristo. Abra sua boca, comece a conversar. Busque um ponto de contato na conversa, para que você possa começar a testemunhar de sua fé e falar de Cristo.